Páginas

terça-feira, 14 de julho de 2015

5 motivos para deixar de tomar refrigerante diet

Os mitos do refrigerante diet

Os mitos do refrigerante diet

Você terá dentes mais fortes, menor risco de depressão e melhores níveis de fertilidade, são alguns dos benefícios
 
Então você decidiu abandonar o refrigerante diet – bom para você! Essa decisão vai melhorar sua saúde da cabeça aos pés. O que você sente de imediato? A ciência explica.
 
Você aguenta melhor o álcool
 
Refrigerante diet faz você ficar bêbada mais rápido. Não é à toa que você mistura a vodka com ele. Quando você usa a versão diet em vez da normal, o drink passa pelo estômago mais rapidamente, causando um aumento na concentração de álcool no sangue, de acordo com um estudo australiano publicado no American Journal of Medicine. Se estamos falando de refrigerantes que contêm cafeína, é pior ainda. A publicação Alcoholism: Clinical and Experimental Research descobriu que quem usa, por exemplo, Coca Cola nos drinks, se intoxica muito mais facilmente. A melhor opção para não fazer feio? Tônica. Ela é naturalmente doce, sem adição de açucares.
 
Seu acumulo de gordura diminui
 
Nossos hormônios contêm a explicação da ironia de ganharmos peso quando trocamos o refrigerante normal pelo diet. Um estudo do Diabetes Care descobriu que beber apenas 2/3 de uma latinha da versão diet antes de comer, programa o pâncreas para liberar muitos hormônios acumuladores de gordura, a insulina. E pior: a diabetes vira um risco grande.
 
As dores de cabeça diminuem e a concentração melhora
 
Agora que você finalmente desistiu do refrigerante diet de vez, você provavelmente se percebe raciocinando com mais clareza do que antes. Isso é porque as substancias que dão o sabor artificial alteram químicos, mexendo com os sinais dos nervos e o sistema de recompensa do cérebro. Isso leva a dores de cabeça, ansiedade e insônia, segundo pesquisa publicada no European Journal of Clinical Nutrition. Um outro estudo descobriu ainda que ratos que bebiam o refrigerante diet apresentavam células e terminações nervosas danificadas na região do cerebelo – a parte do cérebro responsável por funções motoras.
 
A comida fica mais gostosa
 
Não é sua imaginação: após desistir da bebida, a comida realmente parece ter mais sabor. Isso porque os adoçantes artificiais sobrecarregaram suas papilas gustativas. Aspartame é 200 vezes mais doce que açúcar normal. Splenda, outro adoçante, 600 vezes. Uma varredura computadorizada no cérebro pode mostrar que o refrigerante diet altera os receptores de gosto doce no cérebro, aumentando a vontade de açúcar – em vez de a satisfazer. É provável ainda que suas escolhas de lanches tenham mudado. Em vez de ir direto para os snacks açucarados ou muito salgados, você pode se ver desejando uma maçã ou uma fatia de queijo.
 
O ponteiro da balança finalmente está indo para a direção certa
 
Apesar de você provavelmente ter começada a beber a opção diet para perder peso, é apenas desistindo dela que o truque vai funcionar. Um estudo de duração de nove anos descobriu que adultos que bebiam refrigerante diet aumentavam a gordura na região abdominal, apesar da bebida não conter calorias. Ainda descobriram que uma latinha por dia aumenta suas chances de se tornar obesa na próxima década em até 65%.
 
Fonte : M de Mulher / Womens Healt
Texto : Jordan Davidson / Larissa Serpa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário